A operação brasileira do grupo italiano THE PLACEMAKERS é o mais novo cliente da e21

O Grupo de controle e origem italiana – THE PLACEMAKERS – se constitui num dos maiores do mundo em seu setor de atuação, possuindo um portfólio de marcas de altíssimo reconhecimento internacional no segmento de mobiliário urbano e corporativo.

É um conjunto absolutamente incrível de soluções integradas em termos de mobiliário empresarial e público cada vez mais criativo e adaptável para desafios que transitam no conceito de Social-Working, ou seja, soluções corporativas com cada vez mais espaços de colaboração, integração e descompressão.

Para tanto, cada marca do grupo – Metalco, Aluxa, CityDesign, My Equilibria, Eitherland, OMP do Brasil entre outras – precisa mostrar seu posicionamento e proposta competitiva de forma clara e inequívoca, evidenciando seus diferenciais e padrões.

“Estamos profundamente impressionados com a diversidade de ofertas e produtos. São conceitos que transcendem a ideia de uma fábrica de móveis convencional. É uma amplitude modular de conceitos que criativamente se encaixam e levam as possibilidades arquitetônicas a um nível que nunca vimos.” – Coloca Luciano Vignoli – Diretor-Presidente da e21.

Foto: Ambiente Multiuso com soluções integradas da marca City Design.

Tamanha abertura e abrangência traz um componente de necessidades.

“No fundo, é como se estivéssemos atendendo a cinco ou seis clientes diferentes, pois são marcas diferentes, com posicionamentos diferentes e, portanto, com necessidades igualmente diferentes!” – Destaca Camila Mejolaro – Coordenadora de Atendimento da e21, responsável pela integração do cliente na agência.

Com fábrica localizada na serra gaúcha, mais precisamente em Flores da Cunha, o líder do projeto no Brasil, destaca o novo momento da empresa:

“Temos uma grande responsabilidade que é o de representar as marcas do Grupo no Brasil, capturando participação de mercado e valor. É para isso que contamos com a parceria estratégica da e21.” – Fala Fabio Massochini – Sócio brasileiro e Presidente do Grupo The Placemakers Brasil

O trabalho iniciou-se em janeiro deste anos e prevê – além do Mapa de Posicionamento (Branding estratégico) de cada uma das marcas – a implementação de plataformas digitais de relacionamento e de expressão dos diferentes conteúdos a serem trabalhados.

Isto se materializará tanto em Redes Sociais quanto em eventos de exposição das propostas, além de estratégias de abordagem/ferramentas de vendas, materiais de apresentação e demais materiais para todos os pontos de contato com as marcas.

A e21 vai desenvolver um trabalho em 5 frentes para todas as marcas:

1 – Branding: A agência atuará na definição do approach mercadológico das marcas com clientes e influenciadores;

2 – Comunicação Interna: A e21 organizará os esforços internos de comunicação, integrando a todos na empresa a respeito das mudanças da marca;

3 – Plano Comercial: A agência atuará com o cliente num estudo estratégico sobre os canais de comercialização e verificação de novas oportunidades ao longo da cadeia de valor;

4 – Digital: Aqui, o trabalho é o de estabelecer as marcas no ambiente digital, tanto nas redes sociais quanto nos mecanismos de buscas;

5 – Conteúdo/Criação: Definir plataformas criativas capazes de fazer uma grande demonstração de todo o conteúdo específico das marcas.